terça-feira, 27 de novembro de 2012

Apocalipse - O engano da idolatria

Após a morte do filho, Semíramis proclamou-se deusa querendo atrair toda atenção para si
A primeira cidade construída depois do dilúvio foi a Babilônia. Lá o diabo fez o seu "escritório central". Semíramis era a rainha da Babilônia e Ninrode "Foi valente caçador diante do Senhor..." (Gênesis 10.9).

Por isso ele se tornou uma espécie de herói entre os seus contemporâneos. Mas o orgulho do seu coração fez com que ele se rebelasse contra Deus. A partir de então, ele passou a desenvolver a Astrologia, tornando se um grande bruxo e assentando as bases das magias negra e branca.

Mais tarde, passou a se chamar Moloque. Era neto de Cão e bisneto de Noé. Por causa das suas práticas ignominiosas, o seu tio-avô veio a matá-lo, na esperança de acabar com as suas bruxarias.

Semíramis, sua mãe e sua mulher, ao mesmo tempo que reinava na Babilônia proclamou-se deusa e exigiu que se lhe sacrificassem crianças. Também determinou que o seu filho amante fosse cultuado como deus, passando a chamá-lo de Baal, o deus-sol.

Embora se declarasse virgem, deu à luz outro filho, ao qual chamou Tamuz, afirmando que o espírito de Baal concebera nela. E então passou a proclamar em todo o seu reino que Ninrode havia reencarnado na criança.

Ela se dizia também símbolo da lua, e a partir daí passou a ser considerada como a virgem mãe, aparecendo em todos os lugares em imagens carregando o pequeno deus-Sol. Dizia ela que o menino Tamuz era o salvador da humanidade.

Toda essa trajetória foi inspirada pelo diabo, o qual, sabedor que um dia o Espírito de Deus envolveria uma virgem verdadeira, que conceberia o Salvador, providenciou uma história similar, para, assim, fundar uma religião através da qual bilhões de pessoas seriam enganadas e levadas para o inferno.

As histórias de Ninrode, Semíramis e Tamuz circularam por todo o mundo. Suas fábulas se fizeram populares na Mitologia. Foram concebidos vários deuses e deusas, todos alicerçados nestes personagens.

Semíramis chegou a ser conhecida como rainha mãe dos céus. E, para enganar o mundo com "milagres" mentirosos, Satanás tem se utilizado dos demônios para reproduzir imagens de Semíramis em diversos lugares e com várias formas, de modo que cada país passou a ter as suas próprias.

O povo, sincero, tem pensado que a imagem de uma jovem com uma criança ao colo é Maria e o menino Jesus. Mas não! Na verdade é Semíramis e Tamuz!

Assim sendo, se já há esse grande engodo para o povo, imagine o que o anticristo tem preparado para o final dos tempos! Os textos sagrados não deixam nenhuma margem de dúvida com respeito à idolatria, às adivinhações e feitiçarias, pois afirmam:

"Não terás outros deuses diante de mim. Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima no céu, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra; não as adorarás, nem lhes darás culto; porque eu, o Senhor, teu Deus, sou Deus zeloso, que visito a iniquidade dos pais nos filhos até a terceira e quarta geração daqueles que me aborrecem, e faço misericórdia até mil gerações daqueles que me amam e guardam os meus mandamentos." Deuteronômio 5.7-10

"Quando entrares na terra que o Senhor, teu Deus te der, não aprenderás a fazer conforme as abominações daqueles povos. Não se achará entre ti quem faça passar pelo fogo o seu filho ou a sua filha, nem adivinhador, nem prognosticador, nem agoureiro, nem feiticeiro; nem encantador, nem necromante, nem mágico, nem quem consulte os mortos; pois todo aquele que faz tal coisa é abominação ao Senhor; e por estas abominações o Senhor, teu Deus, os lança de diante de ti." Deuteronômio 18.9-12

"Quanto, porém, aos covardes, aos incrédulos, aos abomináveis, aos assassinos, aos impuros, aos feiticeiros, aos idólatras e a todos os mentirosos, a parte que lhes cabe será no lago que arde com fogo e enxofre, a saber, a segunda morte." Apocalipse 21.8

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Brigado Por fazer o seu Comentario!

Quarto Cavaleiro do Apocalipse teria aparecido durante protestos no Egito.

Testemunho PR. Adeildo Costa

Loading...